Proposta dos familiares de mortos e desaparecidos políticos sobre a Comissão da Verdade

Segundo a Comissão de Familiares de Mortos e Desaparecidos Políticos, a  criação de uma Comissão de Verdade pode ter méritos ou pode apresentar riscos para a busca do esclarecimento histórico, pode contribuir ou não para a realização da justiça e o aprofundamento da democracia. O debate sobre a proposta de criação de uma Comissão de Verdade deve se centrar em suas funções, poderes, competências e garantias mecanismos que permitam assegurar melhor efetividade. Para satisfazer o direito a verdade que corresponde às vitimas e a toda à sociedade brasileira, uma Comissão de Verdade deve ser efetiva, autônoma, independente e justa.

Os elementos considerados fundamentais pela Comissão de Familiares para garantir tal instituição são apresentados neste texto.

Enviado por Maria Amélia Teles

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s