Justiça confirma 25 anos de prisão para ex-ditador uruguaio


Um tribunal penal confirmou a pena de 25 anos de prisão para o ex-ditador uruguaio Gregorio ‘Goyo’ Alvarez (1981-85), por “37 crimes de homicídio especialmente agravados”, cometidos durante a chamada operação “Cóndor”, informou nesta sexta-feira a Suprema Corte de Justiça.


Leia aqui a notícia completa.

Enviado por Renan Quinalha (FD/FFLCH-USP)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s