Argentina: Juicios sin marcha atrás

“La Corte Suprema de Justicia presentó un informe acerca de las causas por delitos de lesa humanidad y ratificó la “decisión de toda la sociedad de que no hay marcha atrás” en el juzgamiento a los represores de la última dictadura. “No depende de la coyuntura, sino que está dentro del contrato social y forma parte del consenso básico de la sociedad”, dijo su presidente, Ricardo Lorenzetti.”

Matéria do Pagina 12 disponível na íntegra: Juicios sin marcha atrás

Enviado por Deisy Ventura (IRI/USP)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s